Apto M&D – Mont Serrat, Porto Alegre

     A essência high low se impõe de forma jovem e ao mesmo tempo sofisticada neste apartamento de 200m², em Porto Alegre (RS). O casal com dois filhos pequenos não poupou esforços na escolha de bons materiais de revestimentos e em tecnologia. Mas, no projeto da arquiteta Carolina Burin, os móveis soltos e os elementos de decoração também mesclam escolhas simples, vibrantes e despretensiosas. “Os moradores são jovens, alegres e muito bem humorados e queriam traduzir isso em sua casa. Uma das maiores preocupações era evitar que a morada se parecesse com cara de casa de vó”, explica Carolina. Na planta baixa, as maiores alterações foram feitas na cozinha, para a criação da ilha central, e no banheiro da suíte, que previu um melhor uso do closet e uma divisão na área do vaso sanitário e do chuveiro. A iluminação também ganhou uma atenção especial, com cerca de 70% dos pontos de luz em led, solução que une estética e economia de energia. Os leds estão presentes nos embutidos, nas sancas e no sistema RGB dos banheiros, onde a troca de cores pode ser acionada. Com base neutra de materiais como a madeira cumaru, com efeito de demolição, e paredes pintadas na paleta cinza, o projeto permitiu que as cores fossem destacadas pontualmente, como o amarelo nas poltronas de camurça, e as obras de arte, dos artistas Henry Lichtmann e Gustavo Correa, o Gusco. Na cozinha, o porcelanato tom sépia mantém a padronagem também presente na parede adesivada com ingredientes e utensílios para deleite da criançada.


ESTILO DO PROJETO
O mix de materiais escolhidos para este projeto revela a proposta jovem. Revestimentos, tecnologia e itens como metais exibem lançamentos de ponta e são misturados sem melindres a móveis despojados e objetos simples, como as luminárias de alumínio. O resultado é um imóvel com jeito de casa de família, para uso intenso, e com soluções feitas para durar, como a marcenaria neutra, com linhas retas e escolhas tradicionais. O branco e o amadeirado permitirão, no futuro, mudanças no décor de forma rápida e prática.


869178

 

767371

Dentro da cartela de cores que vai do gelo ao cinza, o estar foi composto por tecidos como camurça dos estofados e poliéster da cortina. A persiana romana traz tela solar e motorização. A madeira aquece o visual na mesa de centro com tampo de espelho e no banco. Acima, o pé cromado contrasta com a madeira maciça da mesa, composta por cadeiras com encosto de palha trançada e assento em linho sintético. Mesmo piso de cumaru reveste a bancada da churrasqueira, complementada por granito Preto Absoluto.

Carolina Burin-57 edit


61

Madeira maciça com tratamento para áreas externas e tecido impermeável garantem o visual dos móveis da sacada.


51494340

A nova ilha central da cozinha promove o conceito de reunião de família. Neutra, a marcenaria traz a estrutura em melamínico branco com portas de vidro pintado no mesmo tom. Para a bancada e o painel da parede, a escolha foi pela madeira teka, em contraste natural aos demais tampos de silestone branco. O toque de cor fica por conta dos pendentes de alumínio, que serviram de norte à cartela eleita para o adesivo personalizado na parede.


36343231

No quarto do filho, piso vinílico garante fácil manutenção, e formas arredondas previnem acidentes. LEDs imitam um céu de estrelas.


29


9

13161924

25

Na suíte, os beges substituem os cinzas para ampliar o efeito visual de conforto, como visto na laca fendi. A base é o tapete oriental tipo Safed Shore, de 4m x 5m, e visual estonado, produzido por uma técnica de tingimento, lavagem e raspagem. Nos tecidos, a versão sintética chamada de sede design da cabeceira é combinada ao reposteiro de shantung, que ladeia a persiana tipo celular com 38mm. Aos pés do leito, baú de couro com capitonê. Piso vinílico padrão Louro Itaúba.

7


Casa J&M – Alphaville, Gravataí

   Nesta imponente residência de 340m², localizada num condomínio em Gravataí (RS), a contemporaneidade e o conforto são a linha mestra da proposta. Carolina Burin foi responsável por todo o projeto de interiores e pelo arquitetônico – este em co-autoria com o engenheiro André Luis Madeira.


Os clientes são um casal com duas filhas. Eles já tinham uma ideia bem clara do que queriam. Um dos pedidos foram ambientes bem integrados e conectados com a área externa, com um espaço gourmet grande.

jm (2)

O desenho da fachada, abaixo, revela a configuração da construção composta por dois volumes. O da frente é como uma máscara, na qual as passarelas funcionam como sacadas. O volume maior faz a barra oposta, valorizando a esquina do terreno.

jm (3)

O volume principal da fachada foi revestido com réguas de porcelanato com textura de concreto. Para toda a residência foram escolhidas esquadrias de PVC, que oferecem proteção térmica e acústica.

jm (4)


O projeto tem um estilo contemporâneo cool, trazendo elementos e materiais sofisticados e de qualidade, porém, sem ostentação.


Veja o projeto de interiores no link: Interiores Casa J&M

Carolina Burin ®

Charme e Sofisticação em Studio de 42m²

Localizado no Bairro Petrópolis, em Porto Alegre – RS, este Studio de 41m² foi planejado e projetado para fins residenciais, de locação de estadia temporária.

DSC_7805 reduzida

O estúdio, com piso todo em porcelanato 90x90cm de cor de concreto, conta com um espaço exclusivo dedicado a cama de casal, porém integrado visualmente com a área social. Isso é feito através de uma divisória de ambientes em marcenaria em melamina no tom Gianduia, ora vazada, ora fechada, trazendo privacidade, e ao mesmo tempo, integração. Neste móvel se encontram 2 televisões, em faces opostas, exclusivas para cada peça. A sala de estar conta com 4 lugares de estar, e é emoldurada por uma vista incrível para o Rio Guaíba, um dos cartões postais da cidade

DSC_7832 reduzida

O móvel abriga ainda, em sua área inferior, um nicho central que dará lugar para a futura instalação de uma lareira à álcool, que aquecerá ambos os ambientes nas estações mais frias do ano, e um móvel para roupas extra e sapatos, nas laterais. O dormitório conta com uma cama box e  cabeceira em courino preto, combinando neutralidade e conforto, compondo a parede com o espelho pelicano e os quadrinhos de viagem. Luminárias pretas com lâmpadas de filamento, dão toque moderno nas laterais da cama, utilizadas com mesas de cabeceira em metal preto com tampo espelhado. Cortinas em linho emolduram a linda vista.

DSC_7792 reduzida

O estúdio também conta com um banheiro privativo, todo mobiliário em marcenaria branca, e um armário de 4 portas em melamina Gianduia para guardar roupas, junto à parede lateral à esquerda do banho, formando uma pequena circulação que divide a área íntima de dormir.

DSC_7855 reduzida

Toda a iluminação do Studio foi muito bem pensada pela arquiteta, que também é professora de luminotécnica. Algumas luminárias antigas reaproveitadas, a exemplo do pendente sobre a mesa e os dois Spots duplos, localizados na sala e no dormitório. Estas passaram por um processo de renovação e pintura de cor preta. A sanca com fita LED marca a divisão entre o living e a área do jantar. 3 embutidos de dicróica foram utilizados para iluminação da parede, enquanto no espaço da Cozinha e Área de Serviço, foram utilizados painéis Led, de 22x22cm.

DSC_7868 reduzida

A cozinha conta com uma churrasqueira e local para guardar espetos, e é totalmente equipada com eletros modernos,  e integrada a mesa de jantar para 4 lugares. Ao lado, uma pequena área de serviço, com prateleiras para utensílios e móvel para equipamentos como varal, escada e etc., além de um máquina lava e seca para roupas. No mobiliário, todo em melamina da cor Gianduia, foram utilizadas portas de abrir de vidro reflecta fumê em locais pontuais, proporcionando amplitude e sofisticação.

WhatsApp Image 2019-08-13 at 11.44.56

Na decoração, muitos quadros com imagens de locais de viagens e fotos de pontos de referência da cidade de Porto Alegre, convidam o viajante a conhecer mais sobre a cidade. Itens como as 2 poltronas em veludo verde folha e o tapete preto e branco geométrico, assumem uma personalidade forte ao local, e dão um charme extra a este pequeno e lindo Studio.

 

Interiores Casa J&M – Alphaville, Gravataí

   Seguindo um estilo contemporâneo cool, esta residência prioriza a integraçãodos ambientes de convívio, com destaque para o living. Combina itens de design assinado a quadros com pegada moderna. A marcenaria personalizada e a paleta atemporal fazem da residência um local de convívio confortável e atual.  A tecnologia e a personalização se fazem presentes para garantir o conforto diário. Para isso, toda residência conta com automatização, incluindo a iluminação e as esquadrias, que ainda auxiliam no isolamento térmico e acústico. O mobiliário fixo, assinado pela profissional e executado por uma mesma marcenaria, reúne várias técnicas de ponta, como corte a laser, microtextura fosca, pintura metalizada, portas e gavetas com amortecimento.

jm-(41)

jm-(42)

Acompanhando o painel da TV e o volume da lareira a gás, uma estrutura de brises divide estar social com a área gourmet, que conta com outro estar, balcão com ilha e cozinha integrada, equipada com churrasqueira, fogão a lenha, adega de vinhos e cervejeira. Peças de design assinado e obras de arte se sobressaem, como as poltronas Dotti, de Ibanez Razzera; mesa de centro Bob, de Paulo Sartori; quadros do artista Augusto Lima e de Ramon Arzerra, trazendo um colorido à sala de jantar. Na cartela de cores, tons neutros de cinza, também usados na parte externa, servem de base nos ambientes internos. Pitadas de cor em móveis soltos, quadros e objetos de decoração.

jm-(43)

O móvel da TV em microtextura cinza compõe com o sofá de camurça aveludada, a dupla de mesas de centro de ferro pintado e tampo padrão nogueira e os assentos extras (pufes com alças de couro).

jm (13)

A brinquedoteca está localizada no térreo todo integrado, por isso, portas de vidro temperado podem ser fechadas e cobertas por persianas, facilitando nos dias de receber. A proposta lúdica conta com parede adesivada com bolinhas, bobina de papel para a pequena desenhar e cestos com rodízio de fibra sintética abaixo do móvel principal para organizar brinquedos.

jm (12)

jm (14)

O projeto luminotécnico tirou máximo proveito da automação, criando diversos cenários para diferentes usos – tarefas do dia, festivo, cinema, lounge e outros. Recursos como iluminações indiretas em móveis e cortineiros com fita de LED e rasgos no banheiro e escritório também foram utilizados pela arquiteta.

jm (10)

Na cozinha, armários com acabamento de pintura microtexturizada cinza e bancada de quartzito cinza absoluto. Cristaleiras com portas de vidro fumê espelhado reflecta e gavetas abertas com laterais em inox e fundo telado para frutas e verduras.

jm (22)

Para o bar, banquetas giratórias com regulagem de assento.

jm (11)


jm (39)

jm (38)

Na suíte master, a madeira ripada padrão carvalho foi usada na cabeceira e  no painel da Tv, que recebeu ainda uma moldura em laca metalizada.

jm (37)

jm (36)

jm (35)

jm (40)


jm (32)

 

jm (31)


 

O home office fica localizado no mezanino e recebeu mobiliário branco com detalhes em carvalho hannover.


jm (30)

Encerramos este projeto com as imagens do banheiro da suíte, que ganhou banheira de imersão em louça para momentos relaxantes e parede revestida com placas especiais de pedra mineral, além da cuba dupla esculpida.

jm (29)

jm (28)

Carolina Burin ®

PRINCIPAIS PARCEIROS
Alabastro | cortinas e persianas
Casa do Parquet | tapetes sob medida do estar lareira e estar gourmet
Contemporânea | móveis soltos da área social
Esquadrias Graebin | esquadrias de toda a residência
Mercatto Marcenaria | execução da marcenaria
Portobello Shop Moinhos | revestimentos da fachada, banheiros e piso da cozinha
Urban Arts | todos os quadros do andar térreo e escritório
Unisinos | apoio institucional

Residência B&G – Agronomia, Porto Alegre

    Situada em um condomínio fechado de Porto Alegre, esta casa, cujo modelo já havia sido definido pela construtora, passou por uma minuciosa reforma nas mãos da arquiteta Carolina Burin. Tudo para adaptar-se a um casal jovem, discreto, com filhos pequenos, que gosta de receber visitas, sem abrir mão da funcionalidade.

A área social de 80m² tem como ponto de chegada um grande foyer com pé direito duplo que dá acesso à sala de estar com lareira e ao jantar seguido do bar e da churrasqueira. A escada foi realocada em função das crianças e do aproveitamento do espaço. Assim, fez-se a remoção da escada original em ferro e madeira, que ficava no centro e construiu-se uma nova, junto à parede, com degraus plissados em alvenaria e guarda-corpo em vidro temperado.

b&g (5)

Na decoração da residência, para garantir a atemporalidade do projeto, a estratégia foi executar uma base de tons neutros nos principais elementos, a exemplo do revestimento total do volume que envolve a lareira em mármore crema marfi. A mesa de centro destaca-se pela madeira de demolição com pés de aço corten.

A TV foi embutida em um ponto perfeito para ser assistido de qualquer lugar da área social. Destaque para a moderna lareira à álcool, executada com o sofisticado mármore crema marfil.

O piso é de tacos de madeira natural com aplicação de jato de areia. A mesa de jantar é de demolição com dormentes de trem e no bar as banquetas em couro preto juntam-se ao tampo em granito. A iluminação embutida adotada para toda a área social busca um conceito contemporâneo que contrasta com o piano, herança de família, e com o esboço de Van Gogh, no jantar.

A marcenaria do home office também tem base de tons neutros e o ambiente personalizou-se através dos objetos menores.

O lavabo segue a linha das cores tranquilas, com estilo mais clássico e sofisticado, evidenciado em detalhes como papel de parede. A cuba esculpida em mármore é um destaque do ambiente.

Os tons neutros seguem na cozinha e na área de serviço, em contraste ao ar jovial das paredes adesivadas.

Os dormitórios das crianças também seguem o estilo leve, prático e funcional de toda a residência.

O resultado do projeto foi uma boa mescla de estilos, ganhando autenticidade ao misturar peças rústicas, porém com toques mais finos. Algo hi-tech, sem parecer esnobe. A tecnologia é destaque no sistema de áudio e vídeo, que permite a setorização em diferentes níveis de som em cada ambiente social da casa.

Apto J&R – Bela Vista, Porto Alegre

     Localizado no bairro Bela Vista, em Porto Alegre, este apartamento de 320m² esbanja charme e sofisticação, porém sem perder a funcionalidade e a praticidade, fundamentais para um apartamento que abriga um casal jovem e três filhas pequenas, sendo as menores, gêmeas. Assim que contratada, a arquiteta recebeu, dentre outras solicitações, dois pedidos bastante especiais: atenção especial para MÚSICA e ILUMINAÇÃO. Em relação à música, além da criação de um estúdio completo para abrigar mesa de som e as mais de vinte guitarras do proprietário, a área social deveria ter um espaço de destaque reservado para um piano de meia calda, desta vez tocado pela proprietária. Ambos espaços, deveriam ser integrados através de equipamentos e caixas de som, que foram também colocados na sacada, lavado e cozinha, com volumes independentes, permitindo que a música acompanhe a família em todos os locais. Quanto a iluminação, esta foi projetada com grande cuidado, buscando trabalhar com uma iluminação bem intimista na área social, porém mesclando acendimentos que permitam locais de luz mais diretas para determinadas tarefas.


000v

 

 

 

 

Para trazer mais charme e sofisticação ao local, a porta de entrada foi trocada por uma especial. Desenhada por nossa equipe, de cor vermelho carmim.

 

 

 

002003

Na área social, o preto seguiu para área da lareira, integrando também o destaque do local: o piano de meia calda. Para o piso, foi escolhido tacos de madeira maciça, para aquecer o ambiente. Para os elementos de cores neutras foram escolhidos estofados e revestimentos de tons offwhite e mesclados com cores e estampas de personalidade, a exemplo do tapete geométrico e detalhes em azul e mostarda. A cozinha, por sua vez, trás o tom do painel da sala.

010008


004

No bar, a solicitação de um local intimista e de pouca luz foi atendida através da colocação de mobiliário todo preto e todo iluminado internamente, com sensores que disparam ao abrir portas e gavetas.

005

006007


 


 

014

A cozinha, por sua vez, trás o tom do painel da sala.


027

 

 

Para área íntima, tons neutros claros e iluminação indireta se fazem presente na área do casal, que conta com closet e uma grande sala de banho, com direito a uma ampla bancada em mármore travertino e lustre de cristal.


 

 

No dormitório da filha mais velha, com cinco anos, um projeto lúdico e colorido, com direito a cama com dossel, mini-closet e fitas de LED RGB, que trocam de cor conforme o gosto da dona.


Carolina Burin ®

Apto L&J – Chácara das Pedras, Porto Alegre

   O forte apelo estético deste projeto é inegável. A paleta de cores, a escolha dos móveis soltos, a marcenaria e o projeto luminotécnico reforçam a característica do apartamento de 89m², em Chácara das Pedras, Porto Alegre (RS). Para proporcionar o maior aproveitamento do espaço e privilegiar o conforto, o projeto original do imóvel sofreu alterações, com o aumento da parede que divide a cozinha e uma marcenaria que se destaca pela funcionalidade. O estar ganhou um móvel que acomoda a TV, equipamento com áudio e vídeo, uma lareira ecológica, além de um bar de destilados. Dando ênfase ao aspecto elegante do apartamento, um grande painel de melamina amadeirada preta, em formato de L, revestiu e escondeu a churrasqueira, ao mesmo tempo que camuflou a porta do lavabo. Para ressaltar todas essas peculiaridades, o projeto luminotécnico criou cenários, principalmente com o uso da sanca de gesso, que circunda toda a área do estar, embutindo três circuitos separados de iluminação: uma mais forte, outra mais suave e outra com a fita RGB que, através de um controle remoto, mistura as cores e gera muitas possibilidades de luz.


ESTILO DO PROJETO:

Uma linha bem contemporânea define o projeto. Ao mesmo tempo que opta por trazer a clássica mistura do “black and white”, adota uma nova roupagem, aliada a pitadas de cores vibrantes e à arte digital, uma tendência mundial. Em síntese, o projeto utilizou o design de interiores como ferramenta para a produção de um ambiente jovem, despojado, confortável e extremamente estético.


010405

O bar de destilados pode ficar “escondido” por uma das portas de correr do móvel. O ambiente, todo integrado, tem banquetas de couro ecológico preto e pés cromados, além dos banquinhos amarelos em polipropileno que servem de assentos extra, quando necessário. O sofá, que seguiu a cartela de tons, é revestido de camurça sintética.

03

No estar, as poltronas de madeira revestidas de sarja e os banquinhos de polipropileno são o ponto de cor. A TV, presa por um trilho superior, desliza na horizontal. O papel de parede listrado dá a pitada de cores clássicas e o painel de melamina branca emoldura o espelho, ampliando o jantar. Mesa laqueada branca com tampo de vidro pintado e com cadeiras Charles Eames. Sob o aparador de vidro, bancos amarelos. O granito preto São Gabriel foi usado na lareira, no bar da churrasqueira e nas bancadas da cozinha, com portas dos armários aéreos de vidro branco.

021213161809071106

O piso em porcelanato que imita o concreto aparente recebeu tapete de material – sintético cinza. Quadros de diferentes formatos e cores em arte digital conferem uma identidade pop.


Carolina Burin ®